Thriller


Amar é quase como um filme de terror. Primeiro vem uma possessão, que se arvora de seu corpo e mente de uma hora para outra, não importando se você é bom ou mau, santo ou demônio, merecedor ou devedor. Bem mais que um super poder, esse estado lhe transporta para um mundo diverso da realidade, onde o que você faz com a maior naturalidade tem um efeito desproporcional aos olhos do resto, causando uma estranheza que lhe é prontamente retornada. E, como a besta quase imortal das películas, um dia ela pode ser duramente enfrentada por alguém decidido a exterminá-la, tornando-a primeiro um zumbi que vagará por um tempo pela terra tentando assombrar seu antagonista; mas se o mocinho for forte o suficiente – como estes o são, sempre, nos filmes – acabará por triunfar, o amor-vilão, retalhado, esconjurado, esquecido e ignorado será só pedaços orgânicos e exangues misturados às folhas secas de uma floresta escura… pedaços a tremer de levinho… buscando-se um ao outro de novo… reconstituindo-se… e atirando-se mais uma vez em mais um incauto que, por azar, lhe atravesse o caminho.
To be continued.

Anúncios

3 Responses to Thriller

  1. Sentimental disse:

    eu encontrei um ser despedaçado em meu caminho, só q ele não me pegou…

  2. duda disse:

    nunca soube lidar bem com sensações das quais não tivesse nenhum tipo de controle, sempre foi reação normal, fugir delas. o comportamento se mantém.
    sinto saudade de você…

  3. P. disse:

    A primeira coisa boa foi ter lido um comentário seu no meu blog.
    A segunda coisa mais que boa foi ter vindo aqui ler suas escrivinhanças.

    Nada melhor para ajustar meu sábado à noite.

    Beijo-te.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: